Tula Tavares e Camila Farani estão namorando há um ano
Divulgação
Tula Tavares e Camila Farani estão namorando há um ano

Nesta terça (28), a ex-jurada do Shark Tank Brasil, reality show de empreendedorismo, Camila Farani, 41, assumiu que namora há um ano com a consultora de imagem e personal stylist Tula Tavares, e afirmou que a experiência ao lado da companheira "é muito gostosa".

Camila conheceu a namorada durante um contato profissional pelas redes sociais, e logo após elas se aproximaram, nasceu o romance. "Quando a encontrei pessoalmente, eu tive outro tipo de sentimento e pensei 'por que não?'. Foi uma coisa diferente. Começamos uma amizade e tudo foi muito rápido. Em pouco tempo já estávamos namorando", contou.

"Nunca tinha falado porque nunca ninguém tinha me perguntado. Não estava escondendo. Sempre me relacionei com homens, me apaixonei por homens. Até o momento em que esse movimento de liberdade, como um todo, me trouxe a liberdade, como um todo, me trouxe a liberdade como ser humano. Me apaixonei pela Tula e estamos juntas há um ano", detalhou Camila em entrevista à Marie Claire.

A ex-jurada revelou que recebeu o apoio da família neste relacionamento e que não tem medo de sofrer preconceito: "Eu tô acostumada a aguentar muita coisa na minha vida. Tenho que enfrentar as coisas na realidade como elas são. Me sinto realizada no todo. Então, o que vier, eu vou lidar”.

Para ela, Tula traz uma leveza para a sua vida: “Ela acorda com sorriso no rosto enquanto eu tô lá estressada. Nosso relacionamento está sendo um equilíbrio bom. É muito gostoso, bacana, bonito". 

Entretanto, falou que há problemas, como todos os relacionamentos, mas nada que precise de atenção ou faça perder a paixão. "É obvio que tem todos os problemas que qualquer relação tem. Você já imaginou quando as duas estão de TPM?", complementou a presidente da G2 Capital, boutique de investimentos em tecnologia. 

Agora você pode acompanhar o iG Queer também no Telegram! Clique aqui para entrar no grupo. Siga também o perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários