A morte do influenciador foi dada como suicídio
Divulgação/iG
A morte do influenciador foi dada como suicídio

Durante o Mês do Orgulho, o iG Queer promoveu lives abordando temas relevantes para a comunidade, como inclusão de atletas trans, a vivência de pessoas LGBT dentro e fora do jornalismo e a transmissão da Parada LGBTQIAP+ de São Paulo, em parceria com o Camarote Solidário da Agência Aids. Agora, para fechar o mês, será feita uma live com o tema "Paulo Vaz: Inesquecível".

Conhecido como Popo Vaz, o policial civil, ativista e influenciador trans morreu em março deste ano. A morte foi dada como suicídio e representa uma perna imensurável para a comunidade trans, especialmente para pessoas transmasculinas que o tinham como uma referência e um ponto de apoio. 

Paulo havia recebido uma avalanche de comentários transfóbicos pelas redes sociais antes de morrer, o que levantou debates sobre o ódio contra pessoas trans que é fortemente disseminado na internet – tanto por pessoas de fora da comunidade quanto por pessoas de dentro do movimento. A live começa às 14h e tem como objetivo homenagear o ativista e reforçar a importância do combate à transfobia em todas as instâncias.

Agora você pode acompanhar o iG Queer também no Telegram!  Clique aqui para entrar no grupo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários