Alguns procedimentos estéticos são mais indicados para estações com temperaturas frias
Polina Tankilevitch/Pexels
Alguns procedimentos estéticos são mais indicados para estações com temperaturas frias


Ainda no primeiro semestre do ano, dia 21 junho, chegará o inverno. A estação marcada por temperaturas mais baixas mostra-se ideal para a realização de alguns procedimentos estéticos que são potencializados pelo frio, principalmente em termos de recuperação. Alguns deles são:

  • Depilação a laser
  • Peeling facial
  • Luz pulsada
  • Laser fracionado de CO2
  • Remoção de tatuagens
  • Radiofrequência e infravermelho
  • Carboxiterapia

Dentre eles, a biomédica Letícia Galvão destaca quais costumam ser mais procurados e as vantagens de realizá-lo nesta época do ano. “Todos os procedimentos são liberados para o inverno, porém aproveitamos a estação para realizar procedimentos que possam deixar a pele mais sensível, como por exemplo o peeling, utilizado para melhor a textura e tonalidade da pele, além de amenizar poros e sequelas de acne, laseres (variam de acordo com o tipo de laser, podem ser usados para renovar a pele, estimular colágeno, clarear a pele, diminuir os pelos e amenizar sequelas de acne) e o microagulhamento,  que estimula a produção de colágeno, diminuem as linhas de expressão, as sequelas de acne e poros dilatados e conseguem infundir ativos através de micropunção”, explica. 

Mariane De Chiara, especialista em estética, pontua ainda quais são as principais vantagens do tempo mais frio para a realização de tais procedimentos. “Para os faciais, o tempo mais frio, além de reduzir os riscos das fontes de calor, reduz a sudorese, fato que torna o processo mais confortável. Nos procedimentos corporais, a temperatura mais amena reduz a retenção hídrica, o inchaço e auxilia a drenagem natural do processo inflamatório”, esclarece.

Além da realização em si, os cuidados devem se prolongar em casa, obedecendo às orientações do profissional para alcançar o resultado almejado. A esteticista Michelle Mattos explica alguns desses cuidados, bem como a possibilidade de efeitos colaterais e a importância de buscar por procedimentos estéticos na estação mais indicada para cada uma delas. 

“Após o tratamento em clínica com ácidos, é importante que o paciente utilize os produtos home care indicados pelo profissional. Além disso, o uso do filtro solar também é fundamental para não ocasionar um efeito rebote, como retorno das manchas, por exemplo, quando o paciente não segue as orientações passadas pelo profissional. O ideal é que seja realizado cada procedimento na estação correta, com isso o resultado será alcançado mais facilmente”, expõem. 

Leia Também

Ainda sobre a escolha do procedimento, a especialista chama a atenção para a importância de fazer uma avaliação das necessidades de cada paciente e conversar com o profissional sobre isso, para assim ter certeza se aquele recurso é viável e vai atender à necessidades em questão. 

“Cada ser humano é um ser distinto e devemos avaliar muito bem vários aspectos. Fazer uma boa anamnese antes de realizar o procedimento é fundamental para entender os motivos das queixas do paciente e assim realizar o tratamento mais adequado para o que lhe incomoda”, diz. 

Mariane De Chiara destaca ainda que a estética em si é um processo complexo e que precisa ter o passo a passo feito com total atenção. Ela também reitera a importância da avaliação profissional adequada. “Estética exige conhecimento, avaliação e raciocínio clínico. Muitos são os tratamentos ‘milagrosos’. Somente uma avaliação adequada pode fornecer a melhor conduta terapêutica para cada caso, respeitando a individualidade e a evolução do tratamento”. 

De acordo com Letícia Galvão, o tempo frio por si só ajuda a potencializar os efeitos dos procedimentos, e destaca ainda alguns pontos que devem ser levado em consideração quanto à manutenção e cuidado dos materiais utilizados nos procedimentos. “Podemos realizar os protocolos com maior segurança e por garantir uma cicatrização mais tranquila com relação a evitar manchas no pós procedimento. As máquinas de laser precisam de manutenção, que normalmente são realizadas pela empresa fabricante da marca ou alguma autorizada. Os peelings precisam ser liberados pela Anvisa e estarem na validade correta”, explica.

Sobre a quantidade de público masculino e feminino que busca por estes procedimentos, a dermatologista e esteticista Priscila Camargo comenta que o número de homens que começaram a recorrer a eles aumentou exponencialmente. “Ambos os gêneros procuram com frequência, mas a adesão masculina aumentou consideravelmente de maneira geral, inclusive na minha clínica. O homem está indo atrás de se cuidar nesse sentido. Contudo, os procedimentos mais invasivos ainda são mais buscados pelas mulheres”, finaliza.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários