Saiba os benefícios do uso do contorno e qual a melhor forma de aplicá-lo
iStock
Saiba os benefícios do uso do contorno e qual a melhor forma de aplicá-lo

Dentre a variedade de recursos de maquiagem que podem ser utilizadas para aperfeiçoar os traços de cada um ou suprir determinadas demandas, o contorno é uma alternativa que pode ser bastante útil, principalmente no que diz respeito a ressaltar ou disfarçar aspectos faciais. Em alguns casos, pessoas transgênero que não se sente confortáveis com algumas características físicas pessoais -- neste caso, mais especificamente o rosto -- e desejam torná-las mais alinhadas aos estereótipos masculinos ou femininos, podem recorrer à técnica do contorno para se sentirem mais confortáveis com a própria imagem.

A maquiadora Francine Couto explica como este recurso funciona e como ele pode moldar os traços do rosto de acordo com o desejo e a necessidade de cada um. “O contorno funciona como luz e sombra: você escurece o que quer esconder e clareia o que quer exaltar. No caso de pessoas trans que tenham traços masculinos e querem torná-los mais femininos é algo super bem-vindo, porque permite afinar o rosto ou exaltar a maçã das bochechas e mudar as feições. Também é possível fazer o contrário: quando o rosto é mais fino, é possível dar uma forma mais quadrada se for a intenção”. 

Mas quais são os pontos chave para conseguir deixar o rosto mais “feminino” ou “masculino” de acordo com a demanda de cada um? A maquiadora Thatiany Klak pontua quais são as regiões às quais é importante se atentar para conseguir ter o efeito desejado de acordo com os estereótipos de cada traço. 

“Para um rosto mais feminino você precisará afinar os traços: testa, nariz, as bochechas e o maxilar. Para um traço mais masculino seria o contrário, deixar esses traços mais em evidência, como um maxilar mais quadrado, nariz não tão fino”, instrui.

Já a maquiadora Paula Mitunari explica ainda que o produto pode ser aplicado de duas formas, na área que pretende destacar. “Passe o produto tanto em creme, líquido ou em pó nas áreas que gostaria de destacar. Quem quiser deixar o rosto mais feminino seria ideal deixar o rosto mais arredondado”, aconselha.

Francine chama a atenção também para a importância de encontrar o tom correto de contorno para cada pele, pois isso interfere diretamente no resultado da aplicação. Ela também dá uma dica sobre cores mais quentes. 

“O legal é procurar o tom certo. Eu não gosto de usar contornos muito quentes porque dá um efeito muito bronzeado ao invés do efeito de luz e sombra, então prefiro utilizar tons frios. Porém, tudo depende do tom e do subtom da pele de cada um, então vale pesquisar em lojas e experimentar o produto para saber como vai ficar. O contorno não pode ser muito escuro, senão o efeito de afinar as feições, por exemplo, não vai ser conquistado, pelo contrário, a região ficará muito marcada e não pode ser muito claro, pois se for o próprio efeito do contorno será comprometido”, explica. 

Leia Também

(Continue a leitura logo abaixo)

Leia Também


Além do tom, é importante escolher os produtos de acordo com o tipo de pele para que a maquiagem não agrida a derme. Thatiany explica que peles mais secas precisam de cuidados específicos e também dá algumas recomendações de como aplicar os tons corretos de contorno dependendo da necessidade de cada um. 

“Existem produtos para cada tom e tipos de pele. As mais secas precisam de um corretivo mais hidratante, que não dê aquela sensação de craquelado. Os contornos variam de corretivos mais claros e mais escuros. Nas partes que gostaria de 'diminuir', você irá trabalhar com um tom mais escuro que o da sua pele. Já as áreas que deseja dar um maior destaque será iluminada com corretivo de tom mais claro. O contorno também pode ser feito em pó, usando tons claros e escuros”, diz. 

A maquiadora também chama a atenção para os materiais necessários na aplicação do contorno para que o efeito seja bem sucedido e não corra o risco de ficar marcado. "Para fazer um contorno bem bonito e sem ficar muito marcado você precisa de um pincel para aplicação produto, o corretivo e uma esponja de maquiagem para fazer um bom acabamento. Se preferir fazer o contorno em pó, vai precisar de um pincel para o pó fácil e outro para o contorno escuro”, explica.

Francine sugere ainda que, além do contorno, o iluminador também pode ser utilizado para suavizar ou destacar alguns traços, podendo assim ser usado em conjunto. “O contorno esconde e o iluminador vai evidenciar o que a pessoa deseja mostrar. Entre os olhos e o arco das sobrancelhas, por exemplo, ajuda a promover traços mais femininos, assim como o arco do cupido, em cima da boca. O iluminador é como se fosse o irmão do contorno”. 

Há outros artifícios que podem ser utilizados junto deles ou além deles para conseguir feições mais alinhadas às expectativas masculinas ou femininas, como elenca Thatiany. A maquiadora dá exemplos de outras medidas que podem ser tomadas para contribuir na estética do rosto. 

“Além do contorno, alguns fatores que podem fazer a maquiagem ficar mais feminina são sobrancelhas mais desenhadas, cílios e um batom. Já para ficar mais masculino, fazer apenas uma pele bem bonita, e caso esteja de barba pode ser feito um preenchimento com sombra para ficar uma barba cheia, além de ser fácil para limpar e refazer”, conclui.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários