Juliette Freire se torna madrinha de casa que abriga LGBTs em situação de rua
Instagram
Juliette Freire se torna madrinha de casa que abriga LGBTs em situação de rua


A campeã do BBB21 Juliette Freire se tornou madrinha do coletivo Casa Nem, local que abriga LGBTQIA+ em situação de rua, vulnerabilidade e violência no Rio de Janeiro.



Leia Também




Além de Juliette, outros artista também realizam ações com o coletivo, como Anitta, Johnny Hooker, Camila Pitanga, Linn da Quebrada e Teresa Cristina.

A ONG receberá um grupo de amigos protetores do trabalho social e cada personalidade convidada do 'Amigos protetores da Casa Nem' buscará a ampliação do debate sobre diversidade, importância de manutenção do espaço e sobrevivência de grupos minoritários vulneráveis.

A CasaNem, fundada pela ativista Indianarae Alves Siqueira, começou com a ocupação do imóvel anteriormente pertencente ao coletivo artístico Casa Nuvem, no bairro da Lapa, e em 2018 fundou-se a ocupação CasaNem Stonewall Inn no bairro de Copacabana, no Rio de Janeiro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários