Veja como ter um bumbum parecido com o da Pabllo Vittar!
Reprodução
Veja como ter um bumbum parecido com o da Pabllo Vittar!

Quem segue Pabllo Vittar no Instagram e no Twitter vira e mexe dá de cara com o bumbum da cantora. Seja nos stories do Instagram ou no feed, a drag queen está sempre exibindo o corpo e sendo elogiada pelos seguidores, tanto pelo tamanho como pela firmeza da pele na região. É possível conseguir resultados parecidos com o Round Glúteo, procedimento estético apontado como a tendência do próximo verão.

Queridinha por celebridades como Claudia Raia, Gabriela Versiani e Juju Salimeni, a técnica tem sido bastante requisitada para quem quer melhorar a autoestima e o aspecto da região. Vanessa Paula, especialista em procedimentos estéticos para aumento de glúteos, afirma que o Round Glúteo é ideal para conferir volume ao bumbum, além de melhorar celulites e flacidez.

O procedimento estético é realizado de forma rápida e o resultado é imediato. A técnica não é considerada invasiva e os ativos são injetados com uma seringa. Vanessa explica que o resultado é conquistado pelo uso de bioestimulantes e preenchedor de ácido hialurônico. Esses ativos agem diretamente na produção de colágeno da região do bumbum, preenchendo a região com volume.

É comum que o resultado dure entre o período de seis a oito meses. No entanto, Vanessa explica que a duração média pode subir para 18 meses, dependendo do organismo de cada pessoa.

Cuidados antes e depois do procedimento

Isabela Viegas, que é sócia da clínica JK Estética, explica que é necessário tomar alguns cuidados antes de fazer a aplicação. No dia, é importante manter a pele bem limpa e não usar cremes. Caso faça uso de sauna, não frequente antes do procedimento. “O vapor é um vasodilatador e as chances de ocorrer sangramentos e manchas roxas na hora da injeção aumentam”, explica.

É proibido fazer uso de medicamentos que tenham ácido acetilsalicílico na composição, como Aspirina. Por deixarem o sangue mais fluido, também aumentam a chance de hematomas.

(Continue lendo logo abaixo)

Leia Também


Leia Também

Depois do procedimento, é importante evite usar calças jeans e apenas roupas que estejam totalmente limpas. Nas 72 horas seguintes, não sente em sofás ou no chão e só faça isso vestindo calça comprida, geralmente usada para ginásticas. Esses cuidados são essenciais para não contaminar o local da picada da seringa.

Leia Também

“Nas primeiras 48 horas não passe qualquer tipo de creme, a não ser que o profissional responsável recomende, para não obstruir os ‘buraquinhos’ das picadas e provocar uma reação inflamatória", orienta.

O paciente também deve evitar depilações nas primeiras 24 horas e massagens na região. Banhos devem ser tomados sem esfoliantes e sem bucha. É permitido tomar sol desde que não existam hematomas na região.

Efeito dura menos em quem tem rotina fitness

Vanessa explica que é esperado que o efeito do Round Glúteo dure menos em pessoas que mantêm uma rotina de treinos e fizeram o preenchimento com ácido hialurônico. Ela percebeu que essa diminuição de volume ocorre principalmente em quem pratica exercícios como cardio, como corrida, natação e spinning, por exemplo.

“O corpo pode absorver ou eliminar a substância na transpiração. Tudo vai depender também da intensidade do exercício que cada pessoa faz”, explica a especialista. Ela orienta que as aulas de cardio sejam evitadas na primeira semana pós-procedimento. O volume também pode ser perdido caso o paciente emagreça.

Método que trata musculatura é alternativa sem injeções

Vanessa diz que algumas clientes que recorreram a ela depois do procedimento não aplicaram novamente a dose de ativos para manter os efeitos do Round Glúteo. O motivo teria sido as dores, que algumas pessoas descreveram como fortes e outras, toleráveis.

Pensando em uma alternativa que não recorresse aos injetáveis ou métodos dolorosos, ela criou o Bumbum Brasil 180ºC, programa que trabalha os glúteos para alcançar os mesmos resultados de forma natural. “Essa técnica atinge profundamente a musculatura. Utilizo alguns aparelhos específicos que ativam as fibras brancas da musculatura. No fundo, o que faço é acordar a musculatura”, detalha Vanessa.

Ela afirma que os resultados são mantidos com exercícios físicos. O indicado pela profissional é manter uma rotina de exercícios de duas a três vezes na semana, com atividades voltadas especialmente para a manutenção dos glúteos. “Se a rotina de exercícios não for cumprida, o bumbum volta ao normal em cerca de 5 meses. No entanto, isso depende da memória muscular do paciente”, afirma.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários