Beatrice Luigi Gomez é abertamente não-binária e bissexual
Reprodução
Beatrice Luigi Gomez é abertamente não-binária e bissexual


No último dia 30 teve mais uma edição do ‘Miss Universo Filipinas’, no qual 27 candidatas disputaram a coroa e o símbolo de representante de Cebu. A modelo vencedora foi Beatrice Luigi Gomez, a primeira participante abertamente não-binária e bissexual a conquistar o título. Ela irá representar o país no Miss Universo 2021, que ocorrerá em dezembro, em Israel. 

Após ser coroada, Beatrice recebeu muitas críticas, principalmente por parte de grupos religiosos. Em 2020, ela fez uma publicação em seu perfil no Instagram comentando esses tipos de manifestações: “Quando as pessoas me condenam porque dizem que não é o que a Bíblia diz, de alguma forma sempre me lembra que ser capaz de dizer quem eu sou no palco, na frente de milhares de pessoas, era o que Deus queria que eu fizesse”, disse.


Em outra publicação, ela explica que se identifica como uma pessoa não-binária sem pronomes especificados. “Às vezes sou Beatrice/Bea, outras vezes, sinto que sou Luigi. É sobre ser feminino e masculino ao mesmo tempo”, declarou. Em uma matéria veiculada pelo ‘Cebu Daily News’, a modelo falou sobre a discriminação sofrida pela comunidade LGBTQIAP+.

“Assim como todos esperam no LGBTQIA +, eu aspiro por aceitação e inclusão — especialmente direitos iguais e proteção para a geração mais jovem, que muitas vezes sofre com bullying e diferentes formas de violência. Eles são deixados à própria sorte, especialmente aqueles que são oprimidos pelos próprios pais”, afirmou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários