Gilberto raspa a barba a seco
Reprodução/Twitter
Gilberto raspa a barba a seco

Gilberto Nogueira viveu momentos de muito estresse no "Big Brother Brasil 21" na última terça-feira, 30, após a eliminação de sua amiga Sarah Andrade. O surto que o economista teve terminou com ele fazendo a barba, no dia seguinte, e mudando completamente o visual. Diferentemente do que muitas pessoas ainda podem esperar dele, Gil não foi “cuidadoso”, “jeitoso” ou “delicado” e não usou nenhum produto para se barbear, apenas a lâmina, algo que pode prejudicar a saúde da pele. Entenda como isso também, além de outras posturas do participante no reality, ajuda a quebrar alguns estereótipos sobre homens gays.

Gil vem se notarizando, desde que entrou na casa mais vigiada do Brasil, como uma “bicha” (e já falou muitas vezes sobre isso). Dando pinta em rede nacional com voz fina, gritinhos , dançando até o chão, dizendo que gosta muito de homem, que quer fazer sexo, paquerando (de brincadeira) outros brothers e até dando o primeiro beijo  gay [ com o ator Lucas Penteado ] nos 20 anos de BBB, ele já protagonizou momentos importantes sobre a homossexualidade em rede nacional.

Como, por exemplo, quando falou sobre o medo que tem dos julgamentos de familiares e amigos ; e quando comentou sobre o quanto achava estranho o brother Rodolffo se afastar sempre que ele se aproximava; na festa dedicada a ele, na semana de liderança, Gil teve o tema arco-íris; na sessão de cinema, o filme exibido foi um documentário sobre Britney Spears, uma das maiores cantoras pop da atualidade e também diva da comunidade gay. Não menos importante, na semana em que Rodolffo foi acusado, pelo público do reality, de homofobia , Gilberto o indicou ao paredão.

Na última quarta-feira, 31, Gil simplesmente fez a barba. Não deu pinta, não gritou, não usou brilho e maquiagem. Só removeu os pelos do rosto e o fez sem nenhum cuidado com a pele, algo que muitos consideram grosseiro, desajeitado e até perigoso. Com isso, em silêncio, Gil mostra a pluralidade da comunidade gay, de cada indivíduo. Ainda maior se comparada com as outras letras da comunidade LGBTQIA+ , com necessidades específicas de todo o grupo e individuais.

Para o sociólogo Acioli Neto, a forma como Gilberto se barbeou pode chamar a atenção porque a sociedade espera que os gays sejam uma cópia do modelo de delicadeza associado às mulheres.

“Fazer a barba com ou sem produtos não tem nada a ver com ser hétero ou homossexual, mas as pessoas não esperam que os gays façam esse tipo de coisa [se barbear a seco], mas sim que eles sejam uma cópia do feminino, que sejam delicados. E essa ideia precisa acabar. É possível ser gay e não ser delicado ou cuidadoso. Assim como heterossexuais podem ser múltiplos, os gays também podem e devem ser vistos como indivíduos diferentes uns dos outros, apesar da palavra ‘homo’”, afirma Neto.

“Nos anos 1980, grupos como Village People, nos Estados Unidos, e Dzi Croquetes, no Brasil, se destacavam com integrantes homossexuais que performavam muita masculinidade, com barbas e bigodes, músculos e tudo o mais”, exemplifica o sociólogo. “Muitos homens heterossexuais se barbeiam com muito cuidado com a pele. Não é sobre sexualidade. É uma questão do indivíduo”, diz.

Gilberto na festa com tema arco-íris
Reprodução/TV Globo
Gilberto na festa com tema arco-íris

De todo modo, a dermatologista Ana Lívia Bagatini avisa que a barba a seco pode prejudicar muito a da pele. “Traumatiza e, então, o pelo pode encravar, também pode causar dermatite e até mesmo uma foliculite, que seria a inflamação dos pelos”, explica.

Por este motivo, ela dá algumas dicas para não prejudicar a saúde da pele:

- Preparar a pele com esfoliação deixa o pelo flexível e previne problemas como vermelhidão, sensibilidade e irritações;
- Lavar a pele com um sabonete antisséptico, para diminuir as bactérias;
- Higienizar as lâminas sempre, pois elas podem acumular fungos e bactérias. Além disso, é importante usar lâminas novas e pessoais, evitando contaminações por ferimentos;
- O melhor momento para fazer a barba é após um banho quente, já que o vapor dilata os poros e torna os pelos mais flexíveis;
- Acompanhar o sentido em que os pelos crescem evita que eles encravem;
- Ao terminar, não esfregar a toalha no rosto, mas apenas secar a região suavemente;
- Hidratar a pele após barbear;
- Evitar fazer a barba diariamente previne o ressecamento da pele e protege de irritações.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários